terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Ano Novo, estrada nova!




Pegando um bronze no metro

Acordamos cedo,por volta das sete horas da manhã,o que chamo praticamente de "madrugada", já havíamos deixado as malas prontas de véspera para não perder tempo.
Tomamos café, deixamos nossa filha no hotel e fomos pegar o metrô até a loja onde reservamos pela net,um carro para nossa 2ª etapa da viagem.


                                                       
Dando tchau ao hotel da 1ªetapa de nossa viagem


Chegando lá,assinamos o contrato, pegamos a chave e voltamos para buscar nossa filha, fechar a conta e carregar o carro com nossas malas.

                      

                                                
                O carro que nos custou bem mais barato do que pegar avião ou trem para Londres


Pela 1ª vez estávamos rodando por Paris de carro e nos apaixonamos ainda mais pelas ruelas estreitas e arquitetura tão típica.





Estava tudo tranquilo até chegarmos no rodo do Arco do Triumpho. Meu Deus,o que é aquele trânsito?? A gente roda,roda,roda e quase não consegue mais sair dalí! Muito louco,achei que estava na Índia (não que já tenha ido,mas pelo que vemos na TV). Enfim após umas 3 voltas passando pelo mesmo lugar, conseguimos entrar na tal rua que o GPS indicava já irritado, hehe...





Uma vez fora da cidade seguimos nosso roteiro estrada a fora em direção à Inglaterra.
Trânsito intenso mas fluindo. Estrada boa,bem sinalizada . Tudo novo, gostinho de descoberta, paisagens diferentes...
Uma coisa legal são as placas indicando castelos. Encontramos algumas pelo caminho mas não consegui fotografar.

Paramos para lanchar num Mac Donalds de beira de estrada mas além de ser mais caro que no Canadá e Estados Unidos, não gostamos muito dos sanduíches.

Seguimos até o final do dia até chegarmos nas bilheterias das balsas que fazem a travessia pelo Canal da Mancha.
Cansados, compramos nossos bilhetes e aguardamos a hora de embarcarmos o carro na gigantesca balsa.





Lá dentro, escolhemos uma mesa perto da janela e compramos uma pizza para dividirmos enquanto fazíamos a travessia.


Balançava MUITO!! Não enjoamos mas deu um pouco de dor de cabeça .
Quando desembarcamos foi um alívio realmente.

Hora de seguir, ansiedade a mil por hora! Estava a menos de duas horas de distância da casa de nossos amigos.

A experiência até àquele ponto estava sendo muito positiva apesar do balanço da balsa. Chegamos na Inglaterra e ao passar na fronteira o oficial muito simpático ao ver nossos passaportes canadenses perguntou sobre um time de hóquei daqui e Marcelo falou como estava o campeonato naquele momento e tal.
Chovia fininho e já passava das dez da noite quando finalmente chegamos a cidade de nossos amigos.
Fica bem perto de Londres.

O reencontro após 14 anos:
 Foi emocionante  e a maior surpresa ficou por conta do nascimento da netinha de meus amigos,exatamente no mesmo dia em que chegamos lá!






A foto que verão a seguir pode gerar um certo impacto!
Todos abaixo possuem o mesmo nome!
Apresento a voces a Marcellândia!!




No proximo post conto como foi nosso passeio de um dia na cidade de Londres!
Até!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

🐥 Deixe aqui seu recadinho 🐥